Será que é possível amenizar a dor de crianças em tratamento contra o câncer?

Elimelech Goldberg, um rabino faixa preta na arte marcial Choi Kwang-Do criou o projeto Kids Kicking Cancer, após notar que crianças hospitalizadas com câncer, começaram a responder bem ao tratamento, depois de ensinar alguns truques de respiração para fazer com que uma criança se acalmasse.

No hospital, ele viu muita dor e o desconforto de muitas crianças que sofriam quando eram submetidas aos desconfortáveis e dolorosos procedimentos do tratamento. Durante as quimioterapias as crianças se demonstraram cada vez mais seguras, fortes e tranquilas após o início do projeto.

“Quando as crianças recebem um diagnóstico como câncer ou qualquer doença grave, perdem qualquer senso de sentimento que estão controlando suas vidas. Elas são estimuladas, cutucadas e tocadas, e muitas vezes têm medo. Nós ensinamos as crianças a controlar sua dor e fazê-las sentirem-se poderosas. Nas artes marciais, você aprende que a dor é uma mensagem que você não tem que ouvir. Essa lição é incrivelmente eficaz.”

Fonte: Reprodução

 

Como funciona a aula?

Choi Kwang-Do: A arte marcial preza pela fluidez de movimentos e respiração com base na Yoga. Durante uma parte da aula ele ensina as crianças a lutarem, e na outra parte ele ensina a técnica da meditação. Ele percebeu que a prática da arte marcial Choi Kwang-Do, tinha um efeito surpreender nas crianças com câncer. Elas tinham mais força de lutar contra a doença.

Fonte: Reprodução

 

O canal norte-americano CNN em sua série especial “Heroes” foi conhecer o trabalho desenvolvido pelo rabino.

A matéria completa, você pode conferir aqui:

Fontes: Razões para acreditar e Doutissima

Deixe uma resposta